segunda-feira, junho 21, 2010

O Blog do Angueth tem agora um companheiro

No ano em que completa cinco anos de vida, este modesto blog ganha um companheiro de caminhada que acaba de ir ao ar. Nasce centrado no interesse na obra de Belloc e também na de Chesterton. O blogueiro é o Guilherme Ferreira Araújo, que já traduziu para este blog. Tem o sugestivo nome de Caminho para Roma,  que é também o título de uma obra-prima de Belloc que, espero, Guilherme traduzirá.

O que eu desejo é que o novo blog realmente nos mostre com mais clareza, e através destes dois monstros das letras inglesas do século XX, o verdadeiro CAMINHO PARA ROMA.

22 comentários:

Anônimo disse...

Meus votos é de que esses trabalhos prosperem e que muitos possam desfrutar de vossos empenhos.

A propósito... Angueth, quando vai nos brindar novamente com traduções e publicações impressas?

Diogo Ferreira.

Anônimo disse...

Parabéns, Prof. Angueth

Contudo, eu pensava que o senhor estivesse mais interessado no CAMINHO PARA O CÉU.

Antonio Emilio Angueth de Araujo disse...

Caro Diogo,

Hereges, de Chesterton, vem aí. A Editora me informa que a programação é para a publicação em setembro. Rezemos.

Em JMJ.

Antônio Emílio Angueth de Araújo.

Antonio Emilio Angueth de Araujo disse...

Caro anônimo,

O sr. é protestante ou carismático? Difícil distinguir.

Para nós católicos o caminho para o Céu passa por Roma, necessariamente. Nossa igreja se chama Igreja Católica Apostólica Romana. Roma é a SANTA Sé, ou santa sede. Se o sr. quiser se salvar (ou ir para o Céu, como o sr. diz) deve tomar este caminho também.

Em JMJ.

Antônio Emílio Angueth de Araújo.

Anônimo disse...

"Roma é a SANTA Sé, ou santa sede. Se o sr. quiser se salvar (ou ir para o Céu, como o sr. diz) deve tomar este caminho também."

Tenho em mente as lições da lógica. O Caminho para Roma é um meio, isto é, um caminho. Mas a meta final é o Céu.

O católico, embora saiba que Roma é o caminho, sabe, sobretudo, que a meta é o Céu.

Estou errado?

Antonio Emilio Angueth de Araujo disse...

Sr. anônimo,

Já que o sr. falou de lógica, lembro-me da gramática, se é que o sr. me entende!

O problema com carismáticos ou protestantes é que vocês não entendem bem nem a lógica, nem a doutrina, nem a gramática.

Roma não é um caminho para o Céu; Roma é O caminho para o Céu.

Mas o sr. já teve seu espaço em meu blog. Agora só aceitarei seus comentários se o sr. se identificar e se o comentário for apropriado sob o meu ponto de vista.

Antônio Emílio Angueth de Araújo.

Guilherme disse...

Caro Angueth,

Obrigado por ter divulgado o blog!

Como é difícil gerenciar comentários, hein? SEMPRE aparecem pessoas com má intenção, fazendo jogos de palavras, insinuando coisas erradas, etc. Por isso optei por não deixar espaço para comentários no blog dedicado a Belloc. Não sei se sr. viu a postagem mais recente no Contra Impugnantes, mas até o Sidney já perdeu a paciência com as provocações e com a falta de argumentação honesta. Haja paciência!

Leonardo disse...

Caro Professor, apesar do blog possuir um caráter que considero bastante conservador, reservo alguns minutos do dia para ler os textos traduzidos por vc, o que sempre tem criado algum tipo de reflexão. Obrigado por nos enriquecer com suas notas e pontos de vista.

Sandra Regina Sabella disse...

Boa notícia frente ao horizonte prenhe de notícias desoladoras de perdas de bons soldados, tibieza das altas autoridades da Igreja, catequese nula nas paróquias, quando não o estudo de mentiras.
Boa notícia de mais uma boa semente que merece o apoio de católicos competentes como você, Angueth.
Sabe, eu ainda medito sobre o motivo de eu receber a Graça de minha reconversão à única Igreja de Jesus Cristo, e, enfim, lembrei-me que ao lado do caixão de minha avó materna perguntei, sem querer, a Deus quem então rezaria por todos nós na família. Que resposta maravilhosa eu recebi alguns anos depois com a notícia do levantamento das excomunhões dos bispos da FSSPX e o encontro da missa de sempre!
Não digo que esse novo blog substituirá o do professor Orlando Fedeli, mas admitamos que precisamos de novos combatentes armados com a Verdade nos meios de comunicação.
Parabéns e grata por vossos apostolados.

Ana Maria Nunes disse...

O problema com carismáticos ou protestantes é que vocês não entendem bem nem a lógica, nem a doutrina, nem a gramática.
kkkkkkkkkk

INDEX BONORVM disse...

Quero deixar consignado que desejo que o Guilherme tenha muito êxito com mais esse trabalho. De longe, do pouquíssimo que o conheci, tem muitas qualidades para construir algo que possa ser agradável a Nosso Senhor.

Deus o ajude Guilherme e Nossa Senhora seja por ti.

Abraço

Frederico de Castro

Guilherme disse...

Obrigado, Fred!

Conto com suas orações!

R. Ruiz disse...

Caríssimo Professor Angueth. Salve Maria!
Meus mais sinceros cumprimentos por mais esta etapa em pról da defesa de Fé Católica! Quanta riqueza literária está agora disponibilizada com mais essa iniciativa! As novas gerações devem conhecer os escritos dos grandes católicos que foram Chesterton e Belloc!
Permita-me só uma pergunta:
Além de ambos autores, o senhor tem em mente a tradução de mais algum outro autor católico?
Que a Santíssima Virgem abençõe seu apostolado e o apostolado do Guilherme!
Abraços!

Rodrigo Ruiz

Antonio Emilio Angueth de Araujo disse...

Caro Rodrigo,

Muito obrigado por suas palavras.

Quanto a outros autores, penso que se eu (agora tendo o Guilherme como companheiro) conseguir traduzir a maior parte da obra de Chesterton, me darei por satisfeito. Um outro autor que eu gostaria muito de traduzir, mas não vou conseguir, é Bernanos.

Reze por mim.


Antônio Emílio Angueth de Araújo.

Guilherme disse...

Muito obrigado, Rodrigo!

Contamos com suas orações!

Viva Cristo Rei!

Anônimo disse...

Após ver seu blog, concluo que, infelizmente, os piores tumores da humanidade são o fanatismo e a intolerância religiosa. Nem Jesus, nem Deus ou o que for jamais foi partidário disso. Que decepção, professor, continuo a admirar seu trabalho como acadêmico, porém falha ao cultuar hábitos e idéias medievais que já mataram tanta gente e que não levam ninguém ao céu, apenas ao retrocesso humano.

Antonio Emilio Angueth de Araujo disse...

Reposta ao anônimo modernão
aqui.

R. Ruiz disse...

Caríssimos Professor Angueth e Guilherme. Salve Maria!
Permita-me mais uma pergunta acerca das traduções:
Dois livros de Belloc que bem mereceriam uma tradução pela importância que têm:
- A Revolução Francesa
- Como Ocorreu a Reforma
Não poderiam ser ambos incluídos num futuro projeto de tradução?
Abraços!

Rodrigo

Guilherme disse...

Caro Rodrigo,

Salve Maria!

A Revolução Francesa já está incluída no projeto de tradução!

Com relação ao livro sobre a Reforma, gostaria de saber se você, o professor Angueth ou outro leitor do blog possui o livro em PDF, pois se eu tiver de comprar todos os livros de Belloc que pretendo traduzir, não terei recursos para isso (é bom lembrar que a obra dele já está em domínio público; por isso é lícito não só baixar seus livros em PDF como traduzi-los sem a necessidade de pagar por direitos autorais).

Minha ideia para os próximos textos é mais ou menos a seguinte:

- Um artigo de doze páginas chamado Religião e Liberdade Civil;
- O Estado Servil completo;
- A Revolução Francesa.

O livro sobre a Reforma poderia vir logo em seguida.

Grande abraço.

Em Cristo e Maria!

R. Ruiz disse...

Caro Guilherme. Salve Maria!

Dei uma busca pela web e infelizmente nada encontrei do livro de Belloc sobre a Reforma Protestante. É uma pena, pois deve tratar-se de uma obra ímpar.
Desejo-lhe sucesso com as traduções e te agradeço pela boa disposição nessa tarefa!
Nossa Senhora o ampare.
Abraços

Rodrigo

Pe Vagner disse...

Boa noite Guilherme,
Que Deus o abençoe em seu trabalho.
Para mim, que sou padre, é uma alegria muito grande saber que os Católicos de lingua protuguesa terão acesso a estas Jóias literárias, saídas das mentes brilhantes destes grandes homens de fé.
É também um grande consolo saber que entre tantos escritos malvados ( sem contar os que são "melosos" e que só geram sentimentalismos desordenados) agora teremos (e já temos contando as traduções do professor Angueth) "CLÁSSICOS DO CATOLICISMO". Livros que fortalecem a nossa FÉ, que nos mostram a grandeza de nossa Igreja, que nos fazem sair das trevas do erro e da ignorância.

A obra será vasta. Tenho um livro de Belloc que é imprescindível para quem quiser saber o que foram as cruzadas, de fato este é o titulo dele: "As Cruzadas". Tenho também "Europa e a Fé", além de "As Grandes Heresias". Que grande historiador!!! Que grande graça Deus me concedeu de ter contato com esses pensadores!!!
Guilherme, me comprometo a ajudar-te com minhas orações e meu apoio.
Grande abraço,com minha benção+
Pe Vagner

Guilherme disse...

Revdo. Pe. Vagner:

Muito me alegra ser incentivado diretamente por um ungido de Nosso Senhor! Suas orações serão, é claro, utilíssimas e muito bem-vindas. Rezarei pelo sr. também, para que continue sempre fiel à Única Igreja fundada por Cristo. Que a Virgem Santíssima lhe abençoe e lhe dispense todas as graças necessárias para o cumprimento de sua vocação.

As sugestões de tradução, cada vez maiores, estão anotadas.

Muito obrigado.

Deo Gratias!