quarta-feira, junho 16, 2010

Dr. Pe. Joãozinho, o Prof. Orlando ainda vive e te calou de novo

 

O “dotô” Pe. Joãozinho pensou, como todo pagão ateu, que a morte é o fim de tudo. Assim, achou que o Prof. Orlando e, sobretudo, suas idéias tinham desaparecido. Pois ele se enganou. O professor vive em cada um de seus admiradores e devedores. E estes fizeram o papel do professor no recente ataque promovido pelo “dotô”; calou novamente o padre e suas heresias.

A prova disso está relatava abaixo, por um dos mais fiéis admiradores do prof. Orlando. Notando que tinha desaparecido, do blog do “dotô” os artigos referentes ao Prof. Orlando, ele postou um comentário.;

junho 16th, 2010 at 08:32
Your comment is awaiting moderation.
Padre Joãozinho,
O Sr. poderia nos esclarecer o motivo de terem sido retirados os posts abaixo relacionados referentes ao falecimento Prof. Orlando Fedeli?
1) Sr. Fedeli procurou aquilo que “entendia ser a verdade”
2) Faleceu hoje o irmão Orlando Fedeli
3) A visão de um canonista sobre a Associação Montfort
Muito obrigado.

Horas depois …

Acabo de voltar (12h10min) à página onde havia postado a pergunta acima (http://blog.cancaonova.com/padrejoaozinho/2010/06/11/palavra-de-padre/#comments) e observo que minha pergunta não foi "aprovada". Foi deletada.
Salvo engano parece que o assunto "morreu" para o Pe. Dr. Joãozinho. Sem qualquer explicação.
Algumas hipóteses:
1) recebeu ordem de superior para apagar posts
2) recuou diante da quantidade avassaladora de críticas dos amigos da Montfort (e até de assíduos frequentadores de seu blog).
De qualquer forma, fica no ar a pergunta: FUGIU DE NOVO?? Fugir é marca registrada de joãozinhos??

É verdade, fugir é a marca registrada de joãozinhos!

Prof. Orlando, pouco antes de morrer, disse, a respeito dsua obra sobre a TFP, uma frase que se aplica perfeitamente ao caso presente: “ À la fin de la vie, je touche!

6 comentários:

Anônimo disse...

Interessante caro Angueth. Fiz uma pesquisa hoje 17.06.10 no blog do padre diminuto e realmente desapareceram vários posts, posts nos quais no video que fiz eles estão lá para mostrar a "grande coerencia" e "franqueza" desse diminuto doutor.

http://gloria.tv/?media=82873

Ficou registrado as bobagens do padre diminuto, principalmente ter dito a montfort ser marxista e sobre a pessoa do professor Orlando insinuado que ele ensinava uma verdade subjetiva e relativa. Na mente do padre diminuto com sua frasesinha ridicula 'aquilo que entendia ser a verdade'.

É bom que se cale mesmo. Mas seria de uma grande alma sacerdotal se escrevesse um post: Mea culpa. Mas enfim. Coisa de outros tempos. No entanto chega de reacionarismo modernista e liberal de doutores diminutos e doutores de dúvidas. Os católicos e nossa pátria querem e queremos Catolicismo!

A Luta é nossa herança.
A.M.D.G!
Rodrigo

Anônimo disse...

Eta Pe. Joãozinho levado! Precisa de umas boas palmadinhas no bumbum.

Renato Lima disse...

Professor Orlando Morreu

Acho que agora tudo Acabou...

Antonio Emilio Angueth de Araujo disse...

Caro Renato,

O Prof. Orlando morreu, mas ainda vive na Montfort e em cada um de seus alunos e admiradores. Foi por isso que Pe. Joãozinho se calou, pois sentiu que ia encontrar que o respondesse.

Não se desanime.

Antônio Emílio Angueth de Araújo.

Renato disse...

Olá professor

Salve Maria

Estava lendo no Blog do Legado Montfort, o Guilherme está fazendo campanha para arrecadar fundos para fazer um escritório, me parece que o Fedeli deixou a Montfort totalmente falida ?

É verdade ?

A.D.G.M.

Antonio Emilio Angueth de Araujo disse...

Caro Renato,

Não sou membro da Montfort, não participo de sua direção e nada sei sobre a situação financeira dela.

Acompanho de longe toda a luta que eles empreendem e imagino que aquela infraestrutura deve custar caro: manter o sítio, responder as cartas (que são milhares), organizar a viagem do professor (que muitas vezes a Montfort custeava), etc.

Rezo para que eles consigam continuar o trabalho do professor.

Em JMJ.

Antônio Emílio Angueth de Araújo.