quarta-feira, janeiro 16, 2013

Pedido urgente de Pe. Lodi, do Pró-Vida de Anápolis!


Prezados amigos

http://www.providaanapolis.org.br/doacoes.htm

Hoje o Pró-Vida de Anápolis tem pouco mais de R$ 400,00 (quatrocentos reais). Não fizemos nenhum gasto extraordinário nos últimos meses, mas as doações têm sido pequenas e nem todos os sócios têm-se lembrado de contribuir.

Para que possamos continuar mantendo a Casa da Gestante, com as irmãs religiosas, as hóspedes e os bebês, e para que possamos continuar imprimindo e enviando o boletim "Aborto! Faça alguma coisa pela vida", tenham a bondade de ajudar-nos financeiramente.

As doações podem se feitas na Agência 0324-7, Conta Corrente 7070-X, Banco do Brasil, em nome de "Pró-Vida de Anápolis", CNPJ 01.813.315/0001-10.

Tenham a bondade de enviar uma mensagem para escritorioprovida@terra.com.br informando seu depósito ou transferência, a fim de podermos fazer o devido lançamento contábil.

Deus lhes pague.

O escravo de Jesus em Maria,

-- Pe. Luiz Carlos Lodi da Cruz
Presidente do Pró-Vida de Anápolis
Telefax: 55+62+3321-0900
Caixa Postal 456
75024-970 Anápolis GO
http://www.providaanapolis.org.br
"Coração Imaculado de Maria, livrai-nos da maldição do aborto"

2 comentários:

Wendy A. Carvalho disse...

Caro Angueth,

Venho me retratar pelas meu posts tão estranhos, que fiz há mais ou menos dois anos, aqui no seu blog. Estive revisitando algumas páginas antigas, não sem alguma vergonha, e me deparei com diversos comentários meus com várias afirmações infundadas, além de mau escritos. Peço desculpas pelos transtornos, por ter tirado sua paciência e peço que compreenda o fato de eu ter tirado vários dos meus comentários.

Estou estudando arduamente, tanto na faculdade como no curso do Olavo, e achei melhor excluir comentários que já não fazem tanto sentido quando confrontados com as minhas atuais opiniões. Não vou te dizer que mudei minhas opiniões totalmente, mas apenas percebi que as opiniões antigas não tinham fundamento ou eram incoerentes.

Peço mais uma vez que compreenda minha ação radical. Como o Fred tinha dito, eu não estava seguindo o conselho do Olavo sobre a pobreza de opinião.

Estou traduzindo Chesterton, novamente. Em breve te mostro o que tenho aqui. Um abraço! Até mais.

Como sempre, sou um grande admirador do seu blog. Só não comento mais para não dar mais escândalos do que já dei. Poderei postar algo, quando eu souber algo. Um forte abraço! Feliz 2013 pra você e sua família.

Antônio Emílio Angueth de Araújo disse...

Caro Wendy,

Sua admissão é uma demonstração de grandeza. Contemplar a pobreza de nossas opiniões, de nossas realizações, de nossas vidas, é apenas uma atitude sadia perante a grandeza de Deus.

Fique com Deus!