domingo, setembro 25, 2011

Roma e a FSSPX: Michael Voris alude ao mais recente encontro.


Michael Voris, num de seus Vortex diários, “comenta” sobre o encontro de Dom Fellay e o Cardeal William Levada. Não é um comentário, mas uma digressão sobre o estado atual da Igreja. Por suas palavras, principalmente pelo que não é diretamente dito, podemos ver como a Fraternidade se destaca de tudo que existe por aí em termos de ortodoxia, de defesa da verdadeira doutrina católica. Voris, ao falar da Fraternidade, não pôde deixar de lembrar tudo o que significou o Concílio Vaticano II em termos de destruição do edifício católico. E como bom católico, ele não pôde deixar de desejar que as conversações entre a Fraternidade e Roma sejam cobertas de êxito. Este é também o meu desejo, na intenção do que rezo todas as noites, se isto for agradável a Nosso Senhor Jesus Cristo.

Nenhum comentário: